O Banestes solicitou ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento aumento no repasse dos recursos do Fundo de Defesa da Economia Cafeeira (Funcafé). A expectativa é ampliar de R$ 74 milhões (já contratados) para R$ 300 milhões.

O investimento é voltado à cafeicultura, para aplicação no custeio e colheita. O objetivo do banco é impulsionar a maior atividade rural no Estado.

A solicitação foi feita em Brasília pelo diretor administrativo do Banestes, Bruno Negris, e pela gerente de Crédito Rural, Luciene Lugão Casula.

Eles reuniram-se, na quinta-feira (5/09), com o secretário executivo do Ministério da Agricultura, José Gerardo Fontelles, e o diretor do Departamento de Café, Jânio Zeferino da Silva.

Os R$ 74 milhões já contratados pelo Banestes estão disponíveis na rede de agências do banco.

Para ter acesso à linha de financiamento basta ir a uma das unidades localizadas nos 78 municípios capixabas, para formalizar as propostas.

Os dirigentes também solicitaram ao Ministério da Agricultura mais R$ 10 milhões para financiar toda a cadeia produtiva do café. São recursos para as indústrias de torrefação e de café solúvel.

O investimento vai agregar mais valor ao café capixaba.
(Com informações da  Assessoria de Comunicação do Banestes. Foto: Incaper/Divulgação)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui